e-escola

Força electrostática Intermédio

Publicado em 16/02/2005 

Vimos no tópico sobre a Lei de Coulomb que a força de interacção entre duas cargas é dada pela Lei de Coulomb, em que o módulo dessa força é dado por:

com k = 8,99x109 N.m2.C-2, q1 e q2 os valores das duas cargas que interagem, e r a distância que as separa.

Podemos decompor o vector força eléctrica no produto da carga que sofre a força por um vector que não depende da carga (só depende da carga exercendo a força e da distância entre as duas cargas) e que corresponde à força exercida por uma carga sobre outra carga positiva e unitária. Foi dado a esse vector o nome de vector campo eléctrico , em analogia com o campo gravítico. As linhas que seguem a sua direcção são as linhas de força ou linhas de campo eléctrico.

Seja um campo eléctrico criado por um conjunto de cargas ou, por um corpo electrizado. Uma partícula carregada com carga q (ou uma carga q) situada na sua vizinhança, num ponto P, é submetida a uma força ou (P) (para especificar que é a força que se exerce numa carga que esteja no ponto P) que depende da carga q e da posição da partícula no campo (também se pode representar o vector campo eléctrico em P por (P)). Temos assim:

Portanto, o vector caracteriza as propriedades eléctricas do espaço onde actua, em qualquer ponto. Como vimos, não depende da carga q colocada num ponto P, e tem a mesma direcção e o mesmo sentido que o vector força que se exerceria sobre uma carga positiva situada nesse ponto.

As unidades de são o Volt por metro (V.m-1) e não o Newton Coulomb (N.C) como se poderia deduzir a partir das unidades em jogo:

Autor e Créditos

Autor:

 

Para comentar tem de estar registado no portal.

Esqueceu-se da password?

© 2008-2009, Instituto Superior Técnico. Todos os direitos reservados.
  • Feder
  • POS_conhecimento