e-escola

Controlo por métodos químicos

Publicado em 06/10/2005 

Um composto químico, natural ou sintético, que mata um microrganismo ou inibe o seu crescimento é designado agente antimicrobiano.

Os agentes antimicrobianos variam em relação à sua toxicidade selectiva. Alguns actuam de forma não selectiva, com efeitos similares em todos os tipos de células, enquanto que outros são muito selectivos e muito mais tóxicos para determinado tipo de células.

Certos agentes químicos tóxicospossuem uma toxicidade tão grande que por vezes têm que ser diluídos de modo a reduzir o seu efeito. Em solução mais diluída, estes agentes podem ser utilizados como desinfectantes ou como antisépticos.

Os desinfectantes são compostos químicos que matam os microrganismos e que são usados na remoção de parte ou da totalidade dos microrganismos patogénicos em objectos inanimados. Este tipo de agentes antimicrobianos são normalmente usados em superfícies de equipamentos, paredes, chão, em laboratórios, hospitais e na Indústria Alimentar, com a finalidade de diminuir a carga microbiana.

Os antisépticos são desinfectantes que matam os microrganismos ou inibem o seu crescimento e que são suficientemente não tóxicos para serem aplicados a tecidos vivos. Muitos destes compostos são usados na higiene pessoal ou no tratamento de ferimentos superficiais.

Por outro lado, certo material hospitalar ou de laboratório  termossensível (ex: termómetros, seringas, placas de Petri de plástico, etc) não pode ser esterilizado através do calor. Nestas situações, o processo de esterilização é levado a cabo em equipamentos fechados semelhantes a autoclaves, em que é usado um composto químico como por exemplo o óxido de etileno, formaldeído, ácido peracético ou peróxido de hidrogénio (esterilização a frio) (ver exemplos de alguns esterilizantes mais comuns, fim para que são usados e modo de acção).

Certos agentes antimicrobianos têm uso terapêutico. Devido à sua toxicidade selectiva, são especialmente úteis no tratamento de doenças infecciosas pois podem ser utilizados in vivo para matar os microrganismos causadores de uma dada infecção sem afectar o hospedeiro (é por exemplo o caso dos antibióticos com acção antibacteriana).

Sub-Temas e Tópicos

© 2008-2009, Instituto Superior Técnico. Todos os direitos reservados.
  • Feder
  • POS_conhecimento